Capitania dos Portos do Rio Grande do Sul acompanha Procissão Marítima de Nossa Senhora dos Navegantes em Rio Grande, Pelotas, São Lourenço do Sul, Santa Isabel e Jaguarão.
31/01/2019 14:23 em Segurança

Neste sábado, dia 2 de fevereiro, a Capitania dos Portos do Rio Grande do Sul (CPRS) acompanhará os cortejos marítimos da tradicional procissão em homenagem à Nossa Senhora dos Navegantes nas cidades do Rio Grande, Pelotas, São Lourenço do Sul, Santa Isabel e Jaguarão.
    Em Rio Grande, o cortejo iniciará às 15 horas no cais do município de São José do Norte, percorrendo o canal do Porto Novo e do Porto Velho até o Rincão da Cebola, na cidade do Rio Grande, retornando ao cais de São José do Norte. As Lanchas e as Embarcações de Casco Semi-Rígido (ECSR) da CPRS, da Estação Naval do Rio Grande e do Grupamento de Patrulha Naval do Sul, a Lancha Balizadora “Rigel” do Serviço de Sinalização Náutica do Sul, acompanhados pelas embarcações da Polícia Federal e da Patrulha Ambiental da Brigada Militar, têm o objetivo de ordenar as embarcações no cortejo e proporcionar segurança aos fiéis e embarcações. Uma aeronave do 5º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral sobrevoará a procissão, contribuindo para a prevenção de acidentes.
    A Capitania dos Portos orienta os responsáveis pelas embarcações que participarão das procissões na região sul do Estado para a observância das normas estabelecidas pela Autoridade Marítima, com o objetivo da manutenção da segurança da navegação, a salvaguarda da vida humana no mar e a prevenção da poluição hídrica, de modo a contribuir para a segurança de todos os participantes do evento.
    Será realizada pela Capitania dos Portos a Inspeção Naval para verificação do cumprimento da legislação e acompanhamento da disposição das embarcações durante a procissão. O descumprimento das normas previstas na Lei de Segurança do Tráfego Aquaviário (LESTA) e Regulamento para Evitar Abalroamento no Mar (RIPEAM) poderá determinar a aplicação de penalidades que podem incluir a retenção da embarcação e a notificação do seu condutor pela Capitania dos Portos, sem prejuízo da aplicação de outras sanções previstas em lei.
    Está prevista também a utilização do etilômetro (bafômetro) para aferição do nível de alcoolemia daqueles condutores de embarcações que apresentarem sinais de embriaguez. Caso seja constatada a presença de álcool no organismo do condutor serão adotadas medidas como apreensão da embarcação, retenção da CIR/CHA e a entrega do condutor à autoridade policial, para enquadramento no Código Penal e demais providências cabíveis.
    No dia 24 de janeiro, nas dependências da CPRS, ocorreu uma reunião com os representantes de Colônias de Pesca, da Brigada Militar dos municípios do Rio Grande e de Pelotas, da Polícia Federal, da Prefeitura Municipal do Rio Grande e da Paróquia “São José” de São José do Norte, com o intuito de orientar e harmonizar as ações das autoridades envolvidas no cortejo lacustre.
    O Capitão dos Portos do Rio Grande do Sul, Capitão de Mar e Guerra Reinaldo Luís Lopes dos Santos, lembra que cabe a todos aqueles que estejam direta ou indiretamente envolvidos zelar pela manutenção de uma navegação segura.

Foto/Divulgação : Capitania dos Portos do Rio Grande do Sul

Rio Grande do Sul

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PLANALTO MOVEFLEX