Santa Vitória suspende aulas e decreta situação de calamidade
23/05/2018 - 16h01 em Calamidade Pública

A paralisação dos caminhoneiros já refletiu em vários setores e municípios da região, primeiramente, com a falta de combustíveis nos postos. Em Santa Vitória do Palmar, a situação é mais grave, chegando a ser emitido um decreto de Calamidade Pública.

A decisão do prefeito de Santa Vitória do Palmar (SVP), Wellington Bacelo, de assinar o decreto veio após reunião de emergência, realizada na manhã desta quarta-feira, 23, com os secretários municipais, na qual foram discutidas as necessidades e obrigações de cada secretaria e possíveis soluções à situação.

Conforme o documento, alguns serviços tiveram de ser suspensos, como a área da educação, deixando 1600 alunos sem aula, a partir da noite desta quarta-feira, 23. A coleta de lixo e alguns serviços de saúde, como transportes para hemodiálise, quimioterapia e ambulância, não deve ser afetado.

A Assessoria de Imprensa de SVP informa que existe uma falta generalizada de combustíveis no município, que possui hoje cerca de 32 mil habitantes.

Fonte PMSVP

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE